Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Logon

 

SAC: 0800 -772 3030   |
HTML do menu mobile
Navegar para Cima

Skip Navigation LinksCooperado-da-Unimed-Santos-alerta-sobre-cancer-de-mama-

Cooperado da Unimed Santos alerta sobre câncer de mama

Dr. Vicente Tarricone Jr. faz alertas sobre a moléstia

19/10/2020 11:03 | Última Atualização 19/10/2020 12:06

​Na mesma proporção em que crescem os números adversos de incidência de câncer de mama, aumenta a certeza de que o diagnóstico precoce é a senha para a cura da doença. No Outubro Rosa, o cooperado da Unimed Santos, Vicente Tarricone Junior, escreve sobre o tema, frisando que houve mudanças importantes na forma de tratar a doença. Estas e outras informações são apresentadas no artigo de sua autoria, reproduzido abaixo.  

Tarricone é médico ginecologista e mastologista, e representante regional da Sociedade Brasileira de Mastologia. 

“O câncer de mama é a neoplasia mais frequente em mulheres no mundo, com 2,1 milhões de casos novos ao ano, e maior prevalência em países ocidentais. No Brasil, a estimativa é de ocorrerem 70 mil novos casos a cada ano. A boa notícia é que a doença tem cura, quando diagnosticada precocemente.  

O câncer de mama decorre do estilo de vida moderno, incidindo em mulheres, sob algumas condições principais: padrão reprodutivo compatível com a vida urbana, primeira menstruação precoce, poucos filhos, idade do primeiro parto acima de 30 anos e menopausa tardia. Uma situação diferente em relação ao século passado, quando as mulheres tinham muitos filhos, com primeira gestação antes de 18 anos, períodos longos de amamentação, menopausa precoce e um perfil reprodutivo diferente do atual. 

Outra mudança que influencia é o aumento da expectativa de vida em mulheres brasileiras, que evoluiu de 33,7 anos, em 1900, para 79,9 anos, em 2018. O pico do câncer de mama ocorre próximo de 64 anos. 

Acompanhamento 
O grande desafio em saúde pública é cuidar bem das seis milhões de mulheres que venceram o câncer de mama e que precisam ter acesso a todos os recursos que a medicina oferece para acompanhamento. O câncer de mama, atualmente, está se comportando e caminhando como uma doença crônica longeva, como hipertensão, diabetes e dislipidemia, entre outras. 

Como a cura da doença é resultante da identificação precoce, em fases iniciais, sobrepõe-se a importância da mamografia, que é o meio ideal de rastreio, uma vez que a moléstia inicial não apresenta sintomas. 
Mamografia é direito da mulher, estabelecido por lei no Brasil. Na região da Baixada Santista, dispomos de muitos mamógrafos de qualidade, e teremos mais um aparelho altamente moderno de mamografia, com tecnologia digital, adquirido pela Unimed, e que irá somar à rede existente. 

Houve mudança importante na forma de tratar o câncer de mama, nos últimos anos, com o conhecimento melhor da biologia molecular tumoral e informações genéticas, oferecendo subsídio para cuidar individualmente da mulher e selecionar drogas mais específicas. 

A doença é heterogênea, apresenta-se na forma local, regional e sistêmica. O planejamento do tratamento requer a harmonia de recursos disponíveis, como quimioterapia, hormonioterapia, imunoterapia, radioterapia e cirurgia, que serão aplicados de forma diferente, compatíveis com as características mencionadas, de doença local, regional ou sistêmica.  

Nos últimos anos, foram agregadas técnicas de oncoplastia ao arsenal terapêutico cirúrgico, fazendo parte de um recurso que melhorou a autoestima das portadoras de doença, que necessitam de reconstrução de mamas. 
Na quimioterapia, houve a introdução de novas medicações específicas, com menor efeito colateral, para cada tipo de tumor, com melhora da sobrevida e qualidade de vida das portadoras da doença. 

Origem 
O Outubro Rosa remonta aos anos 90, em New York, inicialmente com uma corrida de pedestrianismo, com objetivo de alertar sobre o câncer de mama. Com o tempo, o mês de conscientização ganhou o mundo, e hoje é realizado em muitos países. A Unimed Santos contribui, acreditando que o câncer se combate com informação”.  

Outras Notícias

 

 

Unimed Sorocaba realiza aula de pós-graduação em APShttp://portalantigo.unimedfesp.coop.br/unimed-sorocaba-realiza-aula-inaugural-de-pos-graduação-em-atencao-primaria-a-saudeUnimed Sorocaba realiza aula de pós-graduação em APS
TESTE 2http://portalantigo.unimedfesp.coop.br/teste-2TESTE 2
SAC Presencial está de casa novahttp://portalantigo.unimedfesp.coop.br/sac-presencial-esta-de-casa-novaSAC Presencial está de casa nova
Oficinas de MBE iniciam os estudos de 2016http://portalantigo.unimedfesp.coop.br/oficinas-de-mbe-iniciam-os-estudos-de-2016Oficinas de MBE iniciam os estudos de 2016

+ Ver todas as notícias

COPYRIGHT

Copyright © 2019 - Unimedfesp.com.br - Aviso geral de privacidade e proteção de dados Rua José Getúlio, 78/90 - Aclimação - São Paulo - SP - CEP 01509-000 - Tel:(11)2146-2500 

CERTIFICAÇÃO

Unimed Fesp 2016